sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Lágrimas (trova)

As lágrimas, escorrendo,
Em tua face calada,
São banhos do sentimento
Que d’alma se fez morada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário