sábado, 17 de setembro de 2011

Enfim (trova)

Já é hora de deitar!
Da lua, imposto fim.
O tempo vem repousar.
Vão-se os dias, enfim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário